Lego Peão de Rodeio Rihanna

rihanna-love

Sempre gostei de Lego. Quando criança, era tão fácil me agradar, bastava me dar uma caixa dessas pecinhas coloridas. Ok, confesso que me agradariam ainda, mas camisas e perfumes hoje em dia têm o mesmo potencial quando o assunto é deixar o Rafael feliz (rs).

O mais foda do lego é que com as mesmas peças você constrói um caralhéu de coisas diferentes, é só não ter medo de desmontar tudo para reconstruir coisas novas.

Você vê alguma relação entre Lego e a sua vida?

Eu vejo, e muita!

Todo Lego vem com um encarte demonstrativo do que pode ser montado com as peças adquiridas, e muita gente fica só naquilo, com umas mudanças leves algumas vezes, mas basicamente seguindo as instruções.

lego
 

Eu não! eu misturava outros brinquedos, criava texturas, colocava motores, iluminação, cheguei até a derreter umas peças. Louco, vocês devem estar pensando, estragar um brinquedo tão caro. Talvez.

Mas a vida sem loucura tem graça? Pensar em propósitos o tempo todo te mata aos poucos, sem falar que a loucura pode ser uma bela porta para o sucesso.

A loucura é amiga intima dos desafios, e estes por sua vez movem o mundo desde que se tem lembranças do surgimento do homem na terra.

Imaginem o rodeio sendo inventado por exemplo. O dono da fazenda chegou pro seu peão e falou, “eu duvido que você fique 8 segundos em cima daquele touro bravo, te pago um ano de salário extra se conseguir”.

Pronto o desafio foi feito, o que parecia loucura (subir num touro bravo) se transformou em negócio e um belo dia o peão ficou tão rico quanto o dono da fazenda.

Mas o que o peão tem haver com o lego?

Você é louco o suficiente pra arriscar? Reorganizar suas peças e fugir do padrão?

Há quanto tempo você não faz algo que realmente tem vontade só por medo das pessoas te acharem louco?

E misturar suas peças com as e outras pessoas? Você está pronto pra isso?

Nossa! Quantas perguntas Rafael.

Perguntas nos fazem pensar e pensar constrói opinião, além de nos fazer enxergar coisas que jamais imaginaríamos.

Nos últimos dias estou um tanto viciado na música nova da Rihanna, ‘We found Love’.

Eu particularmente acho que ela deva ser bem louca na vida real, acredito ainda que alguns clipes retratam bem a vida dessa garota. Mas não vou ficar aqui fazendo fofoca, isso eu deixo pro Ego fazer, o que quero falar é que talvez o amor esteja de fato num lugar sem esperanças esperando ser encontrado, mas a gente ignora, ou não somos loucos o suficiente pra encarar as consequências.

Que fique bem claro, ser louco não significa ser inconsequente. Significa apenas ter atitudes inusitadas diante das coisas mais banais, sair do convencional e encontrar novos caminhos pra ser feliz, caminhos que não estavam no encarte que criaram de ‘como deve-se viver’.

Então, seja por amor ou por dinheiro, por medo ou por desejo, faça uma loucura por dia! Que tal 8 segundos fora do armário?

Article Tags : , , , , , ,
Rafael Telles

Criei o GPA numa fase em que me encontrava no armário e foi com ele que consegui abrir as portas para o mundo. Minha intenção com o Gay por Acaso é apenas a de tentar fazer com que essa transição seja mais tranquila para todos que passam por essa fase (quase sempre difícil) de se assumir gay. Vou mostrar que essa é apenas uma das milhões de características que você tem, e a informação isolada de que você é gay não diz nada sobre você!

Related Posts
dietavag3

Discussion about this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


 Wholesale Jerseys